Branco total nos ambientes para inspirar

A beleza dos ambientes decorados com branco total é marcante. Ao usar a cor branca como predominante em um ambiente há muito mais possibilidades e liberdade em ousar na decoração. Além disso, a sensação de paz e tranquilidade vai ser percebida pelas pessoas.

anjotintas1
Amplitude é outra característica marcante em ambientes com branco total, por isso é preciso ter cuidado na hora de decorar para não deixá-los frios e vazios. A monotonia desta cor também pode ser quebrada pelos detalhes. Almofadas, quadros, mantas são fortes aliados na decoração e o branco em suas variadas tonalidades também pode ser explorado. As plantas também são muito usadas nestes ambientes de branco total, quebrando a frieza que estes possam transmitir.

Ao optar pelo branco total são a sua personalidade e sua criatividade que vão transformar este ambiente.

anjotintas2anjotintas3anjotintas4anjotintas5

Com a tag | Deixar um comentário

Como saber a quantidade de tinta necessária?

dica_anjotintas1

Com a tag , | Deixar um comentário

Tintas Anjo são utilizadas na série Lá Fora com Bel Lobo

A Anjo Tintas foi parceira da arquiteta Bel Lobo em sua série Lá Fora no GNT. Os programas foram exibidos nos meses de janeiro e fevereiro, mostrando transformações de ambientes ao ar livre que eram pouco utilizados. A cara do verão, Lá Fora com Bel Lobo criou interferências focando os usuários dos espaços e proporcionando melhores oportunidades de aproveitamento nesta estação, tornando áreas coletivas em ambientes de lazer.

lafora1Tinta Emborrachada, Tinta Acrílica Premium Anjo Mais, Massa Corrida Super Leve, entre outros produtos da marca Anjo foram utilizadas nestas áreas transformadas pela arquiteta  nesta série. O primeiro programa da série mostrou a transformação de uma colônia de pescadores na Ilha do Paquetá (RJ), o segundo foi no bairro Cosme Velho no Rio de Janeiro que teve um terreno transformado em uma Horta Comunitária. No terceiro episódio foi mostrada a mudança na Praça Pilotis, no Minhocão da Gávea também no Rio de Janeiro e o quarto foi no condomínio Marechal Hermes mostrando a criação de um Parque Aquático.

lafora

Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Os Dois Tipos de Amor

artigoMhanoel Mendes

C.S. Lews dividiu o amor em dois: o amor-carência e o amor-doação. Para ele, o amor-carência ou amor-deficiência depende do outro; é amor imaturo. Na realidade não é amor, é uma dependência, uma necessidade.

Para vivenciar verdadeiramente o amor, primeiramente, sugere ele, torne-se. Aprecie-se. Ame-se; ame-se a si mesmo. Primeiro torne-se tão autêntica e verdadeiramente feliz que se ninguém vier, isto não importa; você está repleto, transbordando. Se ninguém bate a sua porta, está perfeitamente bem – você não está sentindo falta, não está esperando que alguém venha e bata a sua porta. Está em casa. Se alguém vier, isso também é bom e lindo.

Quando você depende do outro, sempre há miséria. Há jogo e ninguém ganha. O amor não é dependente, pelo contrário, é independente. Tudo acontece, independente do outro. O outro não é questão fundamental para eu existir.

Se eu deixo o outro me “mandar” eu também quero mandar no outro. Assim se inicia um jogo cujo final todos conhecemos. “O amor é uma flor da liberdade – ele precisa de espaço”. O outro não deve interferir com ele. De que adianta viver numa gaiola de ouro?

Só uma pessoa madura pode vivenciar o amor-doação porque só uma pessoa madura tem. A pessoa madura sabe o que é solitude, solidão; ela já passou pelo deserto da crise existencial, pela noite escura da alma. Já sentiu a dor medular do sofrimento, da tristeza. Enfrentou questões, padrões e, como fênix, ressurgiu das cinzas para brilhar e ser.

Dois amantes verdadeiros estão sempre disponíveis, mas nunca pensando, nunca tentando encontrar a felicidade. Então nunca estão frustrados porque sempre que ela acontece, acontece. Eles criam a situação. Se você está feliz consigo mesmo, você já é a situação, e se o outro também está feliz consigo mesmo, ele também é a situação. Quando estas duas situações se aproximam, uma situação maior é criada. Nessa situação maior muita coisa acontece – nada é produzido.

Jornalista, jardineiro, psicólogo, agricultor, escritor e peregrino. www.oikos.org.br

 

Com a tag , | Deixar um comentário

Produtos Anjo das linhas automotiva e imobiliária na Palmeira Tintas em Recreio na cidade do RJ

A loja Palmeira Tintas de Recreio dos Bandeirantes, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), conta agora com produtos das linhas automotiva e imobiliária da marca Anjo. A Tinta Acrílica Premium Anjo Mais, Tinta Acrílica Premium Anjo Total, Tinta Emborrachada, Massa Corrida Super Leve, Polidores base água e base solvente,  Massas Poliéster Acabamento e Enchimento, entre vários outros estão à disposição de consumidores em prateleiras exclusivas da marca.

Palmeira Tintas
Av. das Américas, n° 16.267 – Bairro Recreio dos Bandeirantes
Rio de Janeiro – RJ
(21) 2437-6050
palmeirarecreio05@gmail.com

rj1rj2 rj3rj4

Com a tag , , | Deixar um comentário

Anjo Tintas no Instagram

Instagram

Você já segue nosso Instagram?

instagram.com@anjotintas

Fica a dica. Experimente. Renove. Inove

 

Com a tag , | Deixar um comentário

Tinta Emborrachada tem espaço exclusivo no site da Anjo

A Tinta Emborrachada Anjo, um produto diferenciado da marca, ganhou uma landing page. Com este espaço exclusivo no site, os interessados por esta tinta poderão conhecê-la com mais detalhes.

A Tinta Emborrachada é indicada para pintura de telhados e fachadas e possui característica de redução térmica e acústica. Conheça a landing page clicando aqui.

landing

Com a tag , , , | Deixar um comentário

Dica Anjo: Dificuldade de Espalhar a Tinta

dica_blog

Com a tag , , | Deixar um comentário

Goiânia (GO) ganha Centro de Treinamento Anjo

Um espaço exclusivo para a realização de eventos e treinamentos da marca Anjo foi inaugurado este ano na cidade de Goiânia (GO). Criado pela empresa de representação M Siqueira Comércio e Representações, de Mauro de Siqueira, o Centro de Treinamento Anjo (CTA) vai colaborar com a divulgação dos produtos Anjo na região e promover a experimentação da linha imobiliária entre arquitetos, engenheiros, pintores, equipes de vendas de lojas de tintas, entre outros.

SAM_1190Esse Centro de Treinamento Anjo é um espaço de 40m², climatizado e com capacidade para receber até 40 pessoas. O objetivo de trabalho neste local é divulgar a marca e mostrar aos profissionais que trabalham com tintas, principalmente pintores, que os produtos Anjo são de qualidade e que podem confiar.

A expectativa inicial é de realizar palestras com demonstração de produtos e confraternizações duas vezes por semana, recebendo vendedores de lojas, pintores, encarregados de obras, encarregados de pinturas, engenheiros, arquitetos e decoradores, cada público terá uma apresentação direcionada para seu trabalho. Outras duas empresas de representação da Anjo que atuam em Goiânia também são parceiras neste empreendimento e colaboraram com a concretização desta ideia. São elas a C. J. Representações de Clistenes Nogueira da Silva e a V. C. M. Representações de Vinícius Carlos de Moraes.

O CTA foi todo transformado com produtos da marca Anjo. No teto foi usada a cor branca da Tinta Acrílica Premium Anjo Mais, as paredes foram pintadas com a Tinta Acrílica Premium Toque de Pétalas também branca, o piso interno foi feito com a Tinta Epóxi PDA cinza médio e o piso externo foi pintado com a Tinta Acrílica Premium Piso Novo cinza escuro.

xSAM_1164xSAM_1169xSAM_1176xSAM_1181xSAM_1220xSAM_1186xSAM_1193

Com a tag , , | 1 comentário

Simplicidade Voluntária II

DSC00302* Mhanoel Mendes

Como o querido e atento leitor lembra, há 15 dias fiz aqui neste espaço uma explanação sobre um importante tema para os dias atuais: a simplicidade voluntária. A autora do livro “Simplicidade Voluntária”, Duane Elgin defende em um dos capítulos que faz toda a diferença a simplicidade ser voluntariamente escolhida, e utiliza o exemplo de duas pessoas que usam a bicicleta para ir ao trabalho, para economizar combustível. A primeira usa a bicicleta para se exercitar fisicamente, ter contato com a natureza e poupar energia. Ele teria a possibilidade de usar o carro, mas opta pela bicicleta, e sente grande satisfação em optar por esse meio. Já a segunda pessoa vai de bicicleta ao trabalho porque não tem condições de comprar o carro. Ela anseia por ter um carro, e fica ressentida toda vez que tem que ir e voltar do trabalho de bicicleta.

Exteriormente, a atividade é a mesma. Contudo, as perspectivas pessoais são completamente diferentes. E aqui vale uma pergunta: qual das duas oferecerá uma resposta funcional mais eficiente para a economia de combustível, a primeira ou a segunda?  Fica evidente, a partir desse exemplo, descobrir se a vida simples foi voluntariamente escolhida ou externamente imposta. E mais, a simplicidade voluntária envolve não apenas os aspectos puramente objetivos da atividade, mas sobretudo os aspectos subjetivos, ou seja, a intenção com que se faz.

No plano do consumo, uma vida simples requer um equilíbrio, um meio termo, entre os extremos da pobreza e do excesso. E essa é uma tarefa estritamente pessoal, que somente a nós cabe realizar. Precisamos diferenciar necessidades – bens essenciais à nossa sobrevivência e crescimento – dos desejos ou vontades – bens materiais supérfluos, que apenas gratificam nossos desejos psicológicos – e encontrar aquilo que é suficiente para nós.

No âmbito das relações interpessoais, viver com mais simplicidade significa deixar de lado conversas e bisbilhotices inúteis (no bom português, as fofocas), e valorizar a comunicação para reforçar relacionamentos e promover crescimento pessoal. A capacidade de viver de forma mais simples requer, sobretudo, menos identificação com as posses materiais, através de um processo de maior autoconscientização.

De acordo com Elgin, estamos vivendo um período de colapso na civilização, em que impera a desordem nos sistemas, bem como a perda da coesão social. Há três saídas possíveis para esse período de crise: colapso e desintegração da civilização, onde o fim é a destruição da sociedade; estagnação, onde prevalece a manutenção do status quo,  e, por último, revitalização, onde se busca construir um futuro sustentável, ancorado em novos valores.

Para a sociedade se revitalizar, é essencial adotar a simplicidade no viver, baseado, também, na Lei da Simplificação Progressiva, de Arnold Toynbee: “À medida que a evolução prossegue, a civilização passa a transferir parcelas crescentes de energia e atenção dos aspectos materiais para os aspectos não-materiais da vida”.

As mudanças que apoiam a revitalização da civilização são focadas, principalmente, no uso de bens e serviços ambientalmente sustentáveis. Isso, de fato, vem ocorrendo pela preocupação cada vez maior das pessoas e das empresas em favorecer o uso de tecnologias verdes, diminuindo seu impacto ambiental.

Ademais, é preciso sair do estado de hipnose cultural do consumismo, o que Pierre Weil denominou de “normose”, e, aqui, Elgin traça severas críticas à televisão.

Todas essas medidas são necessárias para a construção de um futuro sustentável, tanto no plano individual, quanto no plano coletivo, onde a participação de cada um, ao transformar sua própria vida, é fundamental para caminhar nessa direção.

Eliminar distrações desnecessárias, ter consciência de suas próprias atitudes de consumo e de relacionamento, e agir de forma cooperativa com os demais membros da comunidade onde se vive, são alguns dos pontos mais destacados nessa obra, de inegável valor, cujas lições são de fato atemporais, e permanecem vivas e bem atuantes, mesmo decorridos quase 40 anos de sua publicação original.

As ideias basilares dessa obra encontram muita ressonância com o livro “Dinheiro e Vida”, portanto, quem já tiver lido esse último livro, encontrará na obra de Duane Elgin um complemento de primeira, onde se foca mais nos aspectos intangíveis, ecológicos e comunitários, e menos nas questões financeiras.

Para finalizar, deixo aqui a dica de um site brasileiro, com conteúdo qualificado sobre o tema, cujo endereço não poderia ser mais apropriado: www.simplicidadevoluntaria.com.

* Jornalista, agricultor, psicólogo, agricultor, escritor e peregrino – www.oikos.org.br

Com a tag , | Deixar um comentário

Cadeiras coloridas com esmaltes sintéticos e esmalte base água da Anjo

Cadeiras coloridas combinam com vários ambientes. A calçada em frente a um bar/restaurante, por exemplo, ou um espaço descontraído numa casa para receber pessoas animadas em uma confraternização, um almoço ou jantar. Cadeiras coloridas também combinam com a personalidade de algumas pessoas, com a descontração de uma casa de praia ou de campo.

E para fazer este trabalho de pintura de cadeiras de madeira as tintas da Anjo são perfeitas. Quem vai fazer este trabalho pode escolher por base água ou base solvente, a marca tem as duas opções em sua linha de produtos. São elas a Tinta Esmalte Base Água Premium Acqua, a Tinta Esmalte Sintético Imobiliário Fluence Premium e a Tinta Esmalte Sintético Imobiliário Tomplus Standard.

b1b2

Com a tag , , | 1 comentário

Cozidos

DSC07194* Beto Colombo

Eu gosto muito de metáforas. Elas, as metáforas, nos tiram da normose do cotidiano e nos forçam a entrar numa forma de ver as coisas diferente. Falando nisso, você já ouviu falar na metáfora do sapo fervido? De acordo com ela, se você retirar um sapo de uma lagoa com uma panela, trazendo junto um pouco da água na qual ele vive, e colocar em cima de um fogareiro, ele será fervido sem perceber que a água aqueceu a ponto de matá-lo.

No início, parecia o mesmo habitat. Depois, a água começou a ficar quentinha, provocando um clima de conforto e relaxamento. No final, o sapo sem perceber, morreu envolto naquilo que lhe parecia só coisa boa.

Voltemos à mesma situação, só que agora, ao invés de deixá-lo desde o início da experiência, só jogue o sapo dentro da panela quando a água estiver bem quente. Desta vez, o sapo vai reagir e saltará para fora da panela.

O que a metáfora do sapo fervido pode trazer de ensinamento para cada um de nós? Muitas vezes, nas empresas, isso também acontece. Executivos estão sendo fervidos junto com o clima da organização e não estão se apercebendo disso.

Diretores de grandes organizações e principalmente proprietários de micro, pequenas e médias empresas estão cozinhando junto com suas empresas, tendo certeza de que estão fazendo a coisa certa. E não estão, pois se tivessem não seriam cozidos sumariamente. Estão traçando o seu norte na rosa dos ventos, só que podem estar equivocados, pois o norte das empresas mudou muitas vezes e, principalmente, nos últimos dez anos.

Isso pode acontecer quando nos conformamos numa situação mínima de conforto, ou melhor, numa situação mínima de sobrevivência, e a desculpa para não crescerem é sempre dos outros, é do governo, é do concorrente, é da situação vivida pelo país e assim por diante.

Não há uma regra ou dica para perceber que está sendo fervido vivo. Talvez uma boa forma para enxergar a situação da empresa é olhá-la pelo melhor ângulo, ou seja, estando fora dela. Talvez outra forma seja saber como está o clima interno. É importante contratar uma pesquisa de clima organizacional para ter um diagnóstico preciso de onde agir primeiro. Participar de seminários, feiras, congressos, voltar para o banco da escola, renovar seu diploma com uma especialização, são todos meios de enxergar a empresa de modo diferente. Conhecer o sistema de gestão de outras empresas, fazendo um benchmarking, e por aí vai.

Agora, para enxergá-la pelo lado de fora é preciso realmente sair, distanciar-se da operação e pensá-la estrategicamente, definindo a estrada e não cuidando apenas da qualidade de sua pavimentação. Pensar dá trabalho, mas quebrar uma empresa e recomeçar outra ou sentir-se desnorteado é muito, muito mais trabalhoso.

É assim como o mundo me parece hoje. E você, o que pensa sobre sapo fervido?

Empresário, Especialista em Filosofia Clínica, Presidente do Conselho da Anjo Tintas.

Com a tag | Deixar um comentário

Branco e lilás: parceria perfeita

Para quem escolhe pintar um ambiente de branco várias possibilidades se abrem para os móveis e a decoração. Até mesmo as pessoas mais clássicas podem explorar cores vivas em almofadas e tapetes, proporcionando mais alegria ao ambiente.

É mais fácil encontrar o equilíbrio apostando no branco como a cor principal, depois é só escolher sua cor preferida e buscar possibilidades dentro de um ambiente. Esta sala com detalhes em lilás está linda, tornando a sala mais alegre, viva, encantadora.

sala11sala12sala13

Com a tag , | Deixar um comentário

Anjo Tintas é a décima terceira empresa mais inovadora do Sul

A primeira edição do ano da Revista Amanhã apresenta o exclusivo ranking Campeãs da Inovação, realizado há doze anos, divulgando as 50 empresas mais inovadoras dos três Estados do Sul. Neste ano a Anjo Tintas ficou em 13° lugar.

xDSC02924Para chegar aos resultados, Amanhã e Edusys aplicam um questionário abrangente, com 43 questões que abordam diferentes aspectos relacionados à construção de um ambiente criativo – desde a cultura organizacional até os resultados concretos de novas ideias. A classificação final depende da pontuação que a empresa obtiver nas seis dimensões da inovação: Estrutura e Cultura Organizacional, Ações: Foco no Esforço da Inovação, Criatividade e Desenvolvimento Inicial, Tratamento e Orientação à Inovação, Atitude e Resultados da Inovação na Organização, a dimensão de maior peso.

Com a tag , | Deixar um comentário

Esmaltes sintéticos imobiliários Anjo renovados

fluenceA Anjo Tintas renova os esmaltes sintéticos imobiliários de sua linha . Estas tintas foram aperfeiçoadas, ganharam novos nomes e estão complementando a linha de produtos da marca. A Tinta Esmalte Sintético Premium ganhou o nome Fluence e a Tinta Esmalte Sintético Standard agora é Tomplus e estão chegando nos pontos de vendas com novas embalagens que vão chamar a atenção dos consumidores.tomplus

Com o diferencial de secagem rápida, os esmaltes sintéticos da marca Anjo são indicados para aplicação em superfícies externas e internas de madeira, ferro, galvanizado e alumínio, (aplicar fundo apropriado). São produtos de excelente qualidade e brilho. Possuem elevada resistência ao intemperismo, são de fácil aplicação e limpeza, tem ótimo alastramento, aderência e cobertura, excelente acabamento e rendimento.

Com a tag , , | Deixar um comentário

Cores da Natureza

Semana06

Com a tag | Deixar um comentário

Anjos do Futsal ultrapassa 1000 garotos com entrada de novo município

São João do Sul é o novo município a contar com um núcleo do Anjos do Futsal.

AnjosDoFutsal_e_SaoJoaoDoSul1A cidade de São João do Sul entra este ano para o Anjos do Futsal. O contrato entre a prefeitura do município e a coordenação do projeto foi assinado na última terça-feira (28/01) pelo prefeito João Rubens dos Santos e no início das aulas será feita a divulgação nas escolas para preencher as 40 vagas abertas para garotos de 10 a 14 anos.

Neste ano de 2015 o Anjos do Futsal está completando 15 anos de atividade e com este novo núcleo ultrapassa o número de 1000 garotos em treinamento, divididos em 22 núcleos distribuídos em 17 municípios do sul de Santa Catarina e equipes de categorias de base que disputam competições regionais e estaduais.

AnjosDoFutsal_e_SaoJoaoDoSul2O coordenador técnico Jean Reis conta que São João do Sul demonstrou interesse pelo projeto. “E acreditamos que no núcleo deste município conseguiremos realizar o trabalho com a  qualidade que é marca registrada em todos os outros”, destaca. Para o prefeito João Rubens dos Santos, o Anjos do Futsal vem de encontro ao trabalho que está sendo realizado em sua gestão, que é apoiar a educação e o esporte visando a formação de cidadãos.

Os principais objetivos do Anjos do Futsal é ensinar a prática do esporte, possibilitar o desenvolvimento das qualidades dos meninos, formar cidadãos, entre outros.

Com a tag , | Deixar um comentário

Arte nos prédios traz alegria ao condomínio

Prédios de um condomínio em Berlim, na Alemanha, foram pintados com cenas realistas e a natureza é o tema principal destas pinturas. Durante três anos, 17 artistas realizaram este trabalho num espaço de 22 mil m² de fachada em prédios construídos em 1981/1982.

Árvores, folhas, pássaros, flores e muito mais trazem alegria para o local que conta com mais de 3 mil moradores. Confira nas fotos como ficou o trabalho.

z1z2z3z4z5z6z7z8Fonte: Blog Ligia Fascioni

Com a tag , | Deixar um comentário

Simplicidade Voluntária I

DSC_1310* Mhanoel Mendes

Quando vivenciei a Formação Holística de Base em Florianópolis, no final dos idos de 1990, turma II da Unipaz, encontrei muitas respostas aos meus questionamentos, às minhas buscas, principalmente no que tange ao ser inteiro, não fragmentado. Na questão ecológica baseada no consumismo, as respostas mais completas e alinhadas com o que buscava viver já naquela época achei no livro “Simplicidade Voluntária – Em busca de um estilo de vida exteriormente simples, mas interiormente rico”, de Duane Elgin da editora Cultrix.

O primeiro e principal conceito que me fisgou é que simplicidade voluntária não é pobreza, que conforto essencial não é passar necessidade. Pelo contrário. Adotar um estilo de vida simples é viver com mais consciência, com mais intenção e um propósito definido. É evitar distrações desnecessárias e buscar uma vida de equilíbrio, de forma contínua, dinâmica, espontânea e real.

A vida simples defendida no livro não se confunde e não é viver uma vida de pobreza, que é prejudicial e degradante, ao passo que a vida simples é intencional (a simplicidade de que trata o livro é a voluntária) e fortalecedora. Tampouco significa abrir mão do progresso, uma vez que busca tirar proveito das tecnologias mais compatíveis com um modo de vida sustentável. Também não significa um retorno ao ambiente bucólico, uma vez que é possível viver uma vida simples onde quer que se esteja, até mesmo numa grande metrópole.

Vale lembrar que estamos em níveis insuportáveis de consumo e poluição e que tudo isso vai arrebentar em nosso planeta, na mãe terra. Por isso, o novo desafio mundial consiste em adotar padrões ecológicos de vida, onde as pessoas possam compartilhar interesses, ou seja, viver de modo não egoísta, e menos orientado ao consumo e à posse de bens materiais.

Pesquisas realizadas pelo autor comprovaram que as pessoas estão se preocupando mais com os aspectos psicológicos e espirituais da vida, adotando um estilo de vida ecologicamente sustentável e mais simples, que promova o crescimento pessoal, valorize os relacionamentos e integre as pessoas na comunidade em que vive, amplificando os processos de cooperação e reforçando os laços de solidariedade.

A simplicidade voluntária requer uma mudança de mentalidade em relação ao universo, considerando-o como um lar a ser preservado, e em relação à morte, considerando-a como uma aliada, uma vez que, como temos um período finito de tempo na Terra, passamos a estar mais conscientes da necessidade de valorizarmos menos os aspectos materiais da vida, e valorizarmos mais os aspectos intangíveis. Passamos a apreciar, desse modo, de maneira ainda mais intensa, essa dádiva que é a vida.

Chegou o momento de assumirmos um efetivo controle de nossas ações e pensamentos, uma vez que boa parte deles não passa de reproduções automáticas de comportamentos enraizados na cultura da sociedade, principalmente em relação ao consumo. Trata-se de remodelar o nosso “eu”, e de ativarmos a nossa capacidade de viver uma vida mais consciente e menos escravizada por padrões externos de comportamento. Ao realizarmos essa tarefa, não só ampliaremos nossa capacidade de olhar criticamente a realidade criada pela sociedade, como também aumentaremos o leque de nossas próprias escolhas, uma vez que o futuro passa a ser mais conduzido por nós, e menos pelos “outros”.

Na próxima quinzena, quando volta a publicar outro artigo aqui no blog da Anjo, retorno ao tema para encerrar este assunto. Enquanto isso, vale a pena refletir e responder. Sempre que vou comprar algo, quais as perguntas que eu faço pra mim: “Eu quero? Eu posso?” ou “Eu realmente necessito?”

* Agricultor, jornalista, jardineiro, psicólogo, escritor e peregrino. www.oikos.org.br

Com a tag , | Deixar um comentário

Azul nos detalhes do quarto de menino

Branco total nas paredes, no teto e nos móveis foi a escolha da mamãe e do papai ao esperar o menino que iria chegar. Deixaram o azul nos detalhes para dar vida ao ambiente e completaram a decoração com bichos de pelúcia coloridos, tornando-os mais marcantes neste quarto clean.

A escolha da tinta foi a Tinta Acrílica Premium Anjo Total na cor Branca, uma tinta de qualidade e com maior durabilidade.  Não ficou lindo?

quarto1quarto2quarto3quarto4

Com a tag , , , , | Deixar um comentário