Cidades coloridas parte 4 – Nuuk, Groenlândia

Hoje nossa parada colorida é em Nuuk, na Groenlândia! Fundada em 1728 pelo padre dinamarquês-norueguês, Hans Egede, que foi enviado à Groenlândia pelo rei dinamarquês para encontrar os escandinavos. A pequena gigante como é conhecida, leva essa fama por ser a menor capital do mundo com apenas 16 mil habitantes, porém a maior cidade da região da Ártica.

2

Um destino extremamente tentador para os apaixonados por frio.  Nuuk tem um clima marítimo, influenciado pelo clima subártico, com invernos frios, com neve e verões frescos. As temperaturas estão abaixo de zero durante o inverno e permanecem frescas no verão.

Fundada em 1728 pelo missionário Hans Egede, está localizada na costa sudoeste da ilha e marca o início de um imenso sistema de fiordes. Navegar a costa oeste do país a partir de Nuuk é um dos tours mais procurados pelos turistas que vem à Groenlândia.

Nuuk possui muita diversidade na área comercial. Na cidade existem sedes de bancos, agências de viagens, empresas industriais e restaurantes especializados na culinária do ártico. É na cidade também que se situa a sede do Royal Greenland company, um dos maiores exportadores e processadores no mundo de peixe e derivados do pescado.

A cidade possui diversos hotéis e pousadas, com destaque para o Hotel Hans Egede, o maior da Gronelândia. Em 1992, foi construído o Escritório de Turismo de Nuuk, no mesmo prédio onde funciona o Conselho Nacional de Turismo da Gronelândia. O órgão é responsável por fornecer informações a turistas e funciona também como um atrativo turístico. Semanalmente, há excursões que permitem a exploração da natureza do Ártico nos arredores da capital.

1

Por se localizar na foz de um grupo de fiordes, é tida como uma boa localidade para uma viagem para observar as baleias, um passeio de trenó puxado por cães do ártico e henas e para a exploração das geleiras. Outros atrativos turísticos são o Museu Nacional de Arquivos, que exibe coleções de raros artefatos arqueológicos Norse e Inuit e o Centro Cultural Katuaq que oferece uma mostra de música e arte contemporânea groenlandesa.

Esta entrada foi publicada em Artigos, Dicas. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *